Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2016

Um Giro de 50 Anos pela Páscoa

A Páscoa e seu espírito de renovação, sentido que nasce com a ressurreição de Cristo, envolve toda a cristandade. Como todas as celebrações religiosas, ela guarda ainda os rituais que lhe são característicos, mas tem se quedado às mudanças promovidas pela passagem do tempo e pela polarização de interesses própria do mundo atual. Uma excelente maneira de percepção das mudanças de foco e dos rituais que marcam a Páscoa é recorrer às publicações em jornais. Assim, escolheu-se um período de 50 anos, abarcando três jornais que circularam em Cachoeira do Sul entre 1956 e 2006:   O Comércio, Jornal do Povo   e   O Correio . Em 1956 a Páscoa aconteceu no dia 1.º de abril. O jornal   O Comércio  registrou em sua edição do dia 28 de março a notícia de que   Atingem extraordinário brilhantismo as comemorações da Semana Santa . No corpo da matéria, referiu as cerimônias de Domingo de Ramos e as procissões que envolveram as três igrejas católicas: Matriz, Santo Antônio e São José. Na

Sementes de Fumo Gigante

A China, um dos tigres asiáticos, é uma potência econômica emergente do mundo atual. Seus produtos chegam facilmente a casas do mundo inteiro e o sistema de informações vigente, com acesso universal e instantâneo, faz da terra distante e antes desconhecida um lugar que parece estar muito próximo! Mas imaginemos a China no século XIX. Provavelmente muito poucas pessoas tinham noção da sua existência, de sua localização geográfica e o que representava a sua cultura no oriente. Tampouco poderiam sonhar que no futuro o tigre asiático iria abocanhar, tal qual um dragão, consumidores nos quatro cantos do mundo! Um documento datado de 25 de janeiro de 1879, remetido à Câmara de Cachoeira por Americo de M. Marcondes de Andrade, oferecia às autoridades da época sementes de fumo gigante vindas da China: Remetto a V.M.cês uma pequena lata contendo sementes de fumo gigante da China, afim de que as distribuam pelos lavradores d'esse municipio que desejem ensaiar a sua cultura. De