sexta-feira, 16 de agosto de 2013 | By: Arquivo Histórico de Cachoeira do Sul

São João, o patrono da Cachoeira

Há dentre os preciosos documentos do Arquivo Histórico do Município um encadernado (CM/S/SE/RE-001) da antiga Câmara Municipal que traz o registro das correspondências expedidas pelo escrivão e que remonta ao período da constituição da Vila Nova de São João da Cachoeira. Trata-se de carta dirigida a Sua Majestade D. João VI pela Câmara e remetida pela Secretaria de Estado dos Negócios do Reino em 26 de agosto de 1820.
O teor do documento dá o motivo pelo qual foi escolhido o nome da Vila Nova de São João da Cachoeira:

Senhor O Juiz pella Ordenação vereadores, e officiaes da Camara da Villa Nova de São João da Caxoeira, Prostrados humildemente aos Pés do Augusto Throno de Vossa Magestade Fidelicima tem a Honra de amnunciar que em execução das Reaes Ordens de Vossa Magestade, e Ouvidor e Corregedor desta Commarca Joaquim Bernardino de Senna Ribeiro da Costa no dia sinco do corrente mes de Agosto procedeu ao Acto Solemne da ereção desta Villa. = A Camara por si, em nome do Povo penetrada do mais vivo reconhecimento, egratidão pela Alta Mercê que Vossa Majestade Inclinando seus Reaes Ouvidos as Submissas e reverentes suplicas dos habitantes desta Villa, se dignou liberalizar roborando Sua Majestade esta Graça com aotra especial deDar a esta sua Villa por Patrono o Grande Santo do Seu Immortal Nome, rendem as homenagens de sua fiel vassalagem.

Retrato de D. João VI - Simplício Rodrigues de Sá
Imagem unicap-cursodeteologia.blogspot.com


A localização deste documento permite que afirmemos com real conhecimento de causa porque nosso Município foi agraciado com o nome de Vila Nova de SÃO JOÃO da Cachoeira.

0 comentários:

Postar um comentário