terça-feira, 17 de dezembro de 2013 | By: Arquivo Histórico de Cachoeira do Sul

Documento como suporte da memória

Na sexta-feira, dia 13 de dezembro de 2013, o Arquivo Histórico realizou uma atividade dentro da programação da Semana de Cachoeira, quando apresentou ao público presente em sua sede um painel intitulado "Documento como suporte da memória". 
Na ocasião, a chefe do Arquivo Histórico, pesquisadora Ione Maria Sanmartin Carlos, apresentou as atividades pertinentes à instituição, ressaltando que o seu embrião surgiu em 1910 pela ação de Affonso Aurelio Porto, da Seção de Estatística e Arquivo da Intendência Municipal, que organizou um livro intitulado Copiador, lançando nele todos os atos administrativos com significação ocorridos a partir do dia 5 de agosto de 1820, data da instalação da Vila Nova de São João da Cachoeira. 

A chefe do AH apresentando o livro n.º 1 da Câmara

A seguir, a assessora Neiva Ester Corrêa Köhler instruiu o público sobre o Serviço de Arranjo, ou seja, a forma como a documentação é organizada, as rotinas da sua manutenção, os segredos que os documentos podem revelar, assim como as comprovações que deles advém. 

Assessora Neiva Köhler falando sobre o arranjo da documentação

Falaram ainda sobre as rotinas do Arquivo as assessoras Mirian Ritzel e Maria Lúcia Mór Castagnino, responsável pelo serviço de genealogia, despertando grande interesse entre os presentes.

Mirian Ritzel lendo documento que comprova fato histórico
Maria Lúcia M. Castagnino apresenta o serviço de genealogia
Considerada de muita valia para apresentar à comunidade o trabalho desenvolvido no Arquivo Histórico, bem como o importante papel que esta instituição desempenha na guarda, acondicionamento, organização e preservação dos documentos, verdadeiros suportes da memória, a atividade também logrou êxito por ter contado com a participação total de 21 pessoas.


Os participantes da atividade demonstraram real interesse pelo trabalho realizado no Arquivo Histórico e entenderam a importância da preservação da documentação, saindo sensibilizados pela preocupação de habilitar novos servidores capazes de darem sequência a tão importante tarefa.



Jussara Garske, da restauração, apresenta seu trabalho



0 comentários:

Postar um comentário