terça-feira, 18 de março de 2014 | By: Arquivo Histórico de Cachoeira do Sul

Colégio Marista - primeiros movimentos para instalação em Cachoeira

O jornal O Commercio, edição de 20 de fevereiro de 1907, em sua página três, traz a seguinte notícia sobre a movimentação da cidade em torno da instalação de um ginásio dos irmãos maristas, cujo título é Grata notícia:

É-nos grato communicar aos nossos leitores, e especialmente aos srs. paes de familia, que está definitivamente resolvida a fundação de um Gymnasio nesta cidade, dirigido pelos provectos educacionistas irmãos Maristas. Esteve para este fim aqui, o assistente geral da ordem, irmão Climaco, acompanhado do superior provinciano irmão Geraldo. Estes dois irmãos Maristas percorreram toda a cidade em companhia do Revmo. Padre Iunges, Vigario da Parochia, visitando o edificio em que reside o sr. dr. Balthazar de Bem, que é o que reune todas as condições necessarias á installação do Collegio. Sabemos que o sr. dr. Balthazar, solicitado a ceder o edificio, accedeu prompta e cavalheirosamente, attendendo assim ao anhélo de uma grande parte da população da Cachoeira. É digno de louvores o procedimento do sr. dr. Balthazar, tanto mais que, de certo modo, S.S. será prejudicado no seu bem estar, por vêr-se privado de excellentes accommodações. Os referidos irmãos Maristas voltaram hontem para Santa Maria, agradavelmente impressionados d'esta cidade. O Gymnasio será installado no fim do anno, começando os trabalhos em Fevereiro de 1908, com os dois cursos - elementar e complementar. Parabens aos srs. paes e aos nossos jovens conterraneos.




Notícia publicada n'O Commercio - 20/02/1907

Necessário esclarecer aos leitores que o edifício a que se refere a matéria e que servia de residência ao  Dr. Balthazar de Bem era o prédio que mais tarde passou a sediar o Clube Renascença e depois ainda a União de Moços Católicos. Somente em 1915 Dr. Balthazar mandaria edificar o palacete hoje denominado Casa de Cultura Paulo Salzano Vieira da Cunha.

A história foi escrita um pouco mais devagar do que parecia naquele distante ano de 1907. No ano seguinte os irmãos maristas de fato instalaram-se em Cachoeira, iniciativa que não perdurou por muito tempo. Nova tentativa aconteceria em 1929, instalando-se o ginásio no prédio que tinha sido construído para quartel da Guarda Municipal, na Rua Saldanha Marinho. Neste endereço encontra-se até hoje o Colégio Marista Roque, atualmente a maior escola particular de Cachoeira do Sul e que há 85 anos forma crianças e jovens nos preceitos de São Marcelino Champagnat.

0 comentários:

Postar um comentário